Etiqueta: Crise

O socialismo foi traído: entrevista com Roger Keeran e Thomas Kenny

Por Jornal Avante!, via Estevam Vieira Roger Keeran e Thomas Kenny são militantes comunistas norte-americanos. Roger é historiador com obra publicada e professor universitário. Thomas é economista. Amigos de longa data, lançaram-se juntos no estudo e aprofundamento das causas que levaram à derrota do socialismo e à desagregação da URSS, malogro que significou uma perda

Leia mais »

O que torna a Escandinávia diferente?

por Rune Møller Stahl e Andreas Møller Mulvad, via Jacobin Magazine, traduzido por Gabriel Landi Fazzio. Na foto, comício de massas em Oslo antes das eleições gerais de 1936. Partido Trabalhista Norueguês / Flickr O que explica o forte estado de bem-estar social dos países nórdicos? Dica: não é sua homogeneidade branca. 

Leia mais »

Relato de seis dias na Grécia

Por Frederico Lyra de Carvalho, musicólogo com mestrado na Paris-Sorbonne e membro do CEII. O texto que segue é um relato de uma semana (15-20 de julho 2015) em Atenas. Fui participar de um congresso que tinha por objetivo principal discutir uma possível “ascensão da democracia”, mas que pelo andar da carruagem e das circunstâncias históricas

Leia mais »

O desmoronamento da universidade pública e a proletarização da classe média

Por Yuri Freire A universidade pública brasileira, que viveu seus anos áureos durante os governos democrático-populares, hoje passa por ataques sistemáticos que ameaçam sua existência. Diante disso, e em meio ao caos econômico, a classe média egressa da universidade se vê frustrada e sem horizonte. O choro e ranger de dentes é generalizado entre acadêmicos

Leia mais »

Golpe de 2016, agenda neoliberal dos governos petistas e outras inquietações

Por João Elter Borges Miranda Quais são as origens do Golpe de 2016? O programa político-econômico dos governos petistas foi de caráter neoliberal? “Os governos petistas, no que concerne a seu programa político-econômico, não significaram, assim, uma superação do neoliberalismo em direção a um “pós-neoliberalismo”, ou, ainda, não foram “social-desenvolvimentistas”. Ao invés disto, tais governos

Leia mais »

Neofascismo e decadência: o planeta burguês à deriva

Por Jorge Beinstein, via marxists.org, traduzido por Ângelo Novo Conceitos turvos Decadência e neofascismo são dois conceitos de difícil definição, embora essenciais para compreender a realidade atual. Pelas suas presenças avassaladoras e suas fronteiras indefinidas, às vezes eles se tornam “invisíveis aos olhos” (como ensinou Saint-Exupéry). Onde é que termina o autoritarismo burguês e começa

Leia mais »

Guerra por outros meios

Por Michael Hardt, via Left Review, traduzido por Julio Tude d´Avila “A lógica do protesto pressupõe o contexto da mediação política: uma situação na qual estruturas sociais e governamentais em diversos níveis potencialmente responderão com reformas. Por exemplo, a demanda para diminuição do financiamento da polícia, como é geralmente manifestada, só faz sentido em um

Leia mais »

Um Século de Fúria na Extrema-Direita Latino-Americana

Por David Pavón-Cuéllar. Traduzido por Daniel Fabre, via LavraPalavra em Contribuições Psicanalíticas a uma Política dos Afetos  “A fúria da extrema direita é algo afetivo e irracional, mas também tem origem na razão, é também racionalizada e racionalizadora, pensada e pensante, falada e falante, atuada e atuante: algo em que vemos apagar as fronteiras entre

Leia mais »